Para Onde Ela Foi

Sinopse: “Se você tivesse uma segunda chance para o primeiro amor… Você aceitaria?
Já faz três anos que o amor de Adam salvou Mia após o acidente que mudou a vida dela. Três anos desde que Mia saiu da vida de Adam para sempre.
                Vivendo agora em lados opostos do país, Mia é um talento em ascensão na Julliard, a conceituada escola de música, e Adam é o típico astro do rock de Los Angeles, com direito a notícias nos tabloides e uma namorada-celebridade.
                Quando Adam se vê sozinho em Nova York, o acaso reúne o casal mais uma vez. Por uma noite.

                Com a mesma força dramática de Se Eu Ficar, agora pela voz de Adam, Para Onde Ela Foi expõe o desalento da perda, a promessa de esperança e a chama do amor que renasce.

Autora: Gayle Forman
Tradutora: Santiago Nazarian
Ano: 2014
Editora: Novo Conceito
Classificação:
c-Deixou a Desejar

DSC_0028

Bom, primeiramente, vim informar que eu não vou mais fazer resenhas (se é que um dia eu fiz), e vou começar a dar somente minha opinião sobre o livro e levantar fatos importantes da história. rs.
Motivo: – eu não sei fazer resenha.
Para Onde Ela Foi é a continuação de Se Eu Ficar, mas dessa vez contada por Adam. Durante a história ele conta, como foi a vida dele depois do que aconteceu com Mia, da namorada nova, da fama, e do disco que estourou a banda dele, que no caso, foi feito pelo Adam e todas as músicas eram sobre o que ele passou com a Mia. Mas ele ainda era infeliz, afinal, ele não tinha mais o amor da vida dele.
Bom, Para Onde Ela foi, foi um livro que eu enrolei o mês inteiro para ler. Não foi uma história que me prendeu, e também não fiquei nada surpreendida. Acredito que isso tenha acontecido porque eu comecei a enjoar de histórias românticas.
Mas com muita fé e coragem, eu terminei de ler! Ok, vamos lá, conforme minha amiga me disse, “parece que a autora escreveu esse livro com pressa”, pois é, eu concordo plenamente com ela. Parece que com o sucesso de Se Eu Ficar, ela queria logo uma continuação e escreveu o livro meio que com preguiça e com pressa. Na sinopse está escrito “Com a mesma força dramática de Se Eu Ficar […]” mito, mito, mito. Não tem nada de dramático no livro. Só o Adam lamentando da vida dele, e os caminhos tortos que ele seguiu. A parte que é um pouquinho mais emocionante é quando eles se reencontram, mas não tem nada de tão empolgante assim.
Enfim eu acho que o livro poderia ser melhor. hehe

Anúncios

Deixe o seu comentário ! :D

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s